Toni , e Marrie

28 de jun de 2012



Ela chegara tarde naquele dia de inverno, o sol já havia se posto, o café esfriado, e Toni, já estava a deitar, quando ouviu o ruido da porta ao abrir, passou milhares de coisas em sua cabeça em fração de segundos, será se eu digo agora? um dos últimos pensamentos que ecoou em sua cabeça até a ela aparecer no Quarto.
- Olá , disse ela com sua voz suave, (seu olhar não era mais o mesmo de dois anos atras, estava sem brilho)
e Toni pensava, o que aconteceu , pra onde foi as estrelas que ela escondia no olhar?
- Oi, respondeu ele, sem levantar da cama.
Ela disse:
 - Preciso te dizer algo: que já me incomoda a um tempo! enquanto sentava a cama.
já estamos alguns anos juntos, e essa semana, pude notar que algumas coisas , mudaram.
Toni respondeu, Logico, o tempo passou e as coisas mudaram! com um sorriso de canto de boca,
mais em seus pensamentos , ecoavam , será se falo agora? será se ela vai terminar tudo? e o que vai ser de mim? quem vai cuidar de mim?
- Ela logo respondeu. Primeiro deixa eu dizer tudo que tenho a dizer, depois você fala pode ser?
 Sim , respondeu Toni fazendo sinal com a cabeça!
- Então, como estava dizendo as coisas mudaram, não sei se fui eu que mudei, ou se foi você, o pior de tudo é se for nós dois! eu não vejo mais Toni,  você me receber com alegria, ao chegar em casa., é como se fosse indiferente. Lembra quando você me trouxe para dentro de casa no dia do nosso casamento? foi nos braços!
e nem em seus braços eu tenho me encontrado mais, isso me fez perder a alegria de estar em casa, tentei , tentei , tentei inúmeras vezes, chamar atenção,
- Toni, a quanto tempo não fazemos amor? a quanto tempo você não me olha como mulher? eu cheguei a pensar que o problema era só em mim , que meu corpo não te agradava mais, e isso me fez perder o brilho! o brilho da vida, porque eu não sei viver a vida sem você! Lembra, do para todo o sempre? é para sempre! e preciso te dizer uma coisa , Toni, eu perdi um filho seu , e você nem notou nada diferente no meu corpo , sinceramente, nem eu..

E por alguns minutos, ela chorou de soluçar, e Toni, sem reação não sabia o que fazer, falar, sentir, ele na verdade queria sumir.
- Toni fala alguma coisa!! Exclamou ela!

- Marrie,Eu ja havia notado sua diferença, sabia que havia algo errado, e pensei por alguns momentos que o problema era que você não me amava mais, notei , inúmeras vezes você linda ao meu lado , te desejei , queria te tocar, mais a ausência de brilho nos seus olhos me fez ter medo de me aproximar, quanto a um filho,
como você não me falou nada, tudo bem posso ser ignorante não ter notado , algumas coisas , mais eu tinha o direito de saber, ter um filho com você marrie, é o que eu mais sonhei , planejei , imaginei , me perdoa pela minha falta de dialogo , talvez pela minha imaturidade no relacionamento , antes de você chegar eu estava pensando , o que falar? como falar? marrie, eu sou dependente do brilho dos seus olhos para ver a vida mais bela, Eu te amo também , não sei o que aconteceu , mais vamos dar mais uma chance a nós, vamos tentar começar do zero,

- Toni , é o que eu mais quero, mais será se ainda tenho forças?
- Deixa eu ser a sua força marrie, deixa eu te erguer,

Toni chamou Marrie até a porta de casa, e a pegou no colo , como se fosse a primeira vez, e passou a todos os dias, quando ela estava chegando do trabalho, a esperar ela na porta, e a carregar para dentro do lar, ele entendeu a mensagem , e Marrie, pouco a pouco foi voltando a brilhar, voltando a  ver cor na vida.
e a novidade, ela está gravida, e eles? Super felizes!


0 comentários:







Se eu estou forte, se eu estou caido , Deus me ama! :D

Musiquinha ♥

Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!